Faculdade Finama

X

Assine nossa Newsletter

X

Ouvidoria

Sua opinião é muito importante para nós!

Aguarde, enviando contato!

Porque devemos manter a calma em situações de crise?

Porque devemos manter a calma em situações de crise?
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

O ser humano tem mecanismos de defesa que impedem que o organismo entre em colapso, com a finalidade de preservar a saúde mental e o funcionamento do corpo e mente. Mas nem sempre é assim que funciona, existem situações em que nos tiram deste estado natural e causam pânico. Quanto maior for o fenômeno, maior a situação de pânico, é o caso de uma pandemia, que atinge o mundo todo.

Nestes casos, com o excesso de informações tanto positivas (pautadas em estudos científicos) como negativas (Fake news) podem haver aumentos dos hormônios do estresse (adrenalina e cortisol), causando aceleração nos batimentos cardíacos, dilatação da pupila, aumento da sudorese entre outros, e a diminuição dos hormônios considerados do prazer que são: endorfina, dopamina, serotonina e ocitocina, podendo haver baixa da defesa orgânica, causando situação de pânico, diminuindo a imunidade, nos tornando vulneráveis a doenças de toda a natureza.

Outro aspecto importante é que a Vitamina D, que exerce função de regular o organismo, sugerido por alguns pesquisadores ser classificado como hormônio, não é apenas obtida da ingestão de alimentos ricos nesta vitamina e sim pela exposição ao sol entre 15 a 20 minutos, sem proteção solar, vão de encontro com as recomendações feitas do isolamento social, tão necessário em situações de pandemia. Vejamos que nosso organismo trabalha para um ajuste em seu funcionamento, essa é a nossa natureza.


Quantos ataques ao nosso organismo, não é mesmo? Mas somos nós que permitimos que isso aconteça, o pânico leva toxinas ao organismo, o medo faz cair nosso sistema imunológico, o excesso de informações causam pânico e medo, então precisamos cuidar do nosso corpo e mente, indo no sentido contrário, já que raiva, ódio e ressentimento nos coloca no grupo de risco e solidariedade, perdão e amor nos tira desta lista, então precisamos fazer nossa dever de casa, seguir as orientações recomendadas pelos órgãos competentes, sem criar outras alternativas, neste momento nossa criatividade não nos beneficia, o que não foi testado cientificamente, não vale a pena disseminar. Lembrem, podemos não contaminar as pessoas com o novo Coronavirus ou qualquer outro tipo de vírus que possa estar circulando, mas contaminamos com excesso de informações e mensagens negativas e dados que possam alarmar e complicar o caos instalado. A informação é necessária, mas já foram dadas pelas autoridades, basta a população agir.


Como podemos aumentar nossa imunidade atrás da nossa mente?


Procurar não consumir mais informações, principalmente grupos de redes sociais, onde por vezes não há filtro do que é postado.

Escutar músicas boas, ler bons livros,

Rir muito, procurar assistir filmes leves, desenhos antigos, séries de comédia, se for possível gargalhar, melhor ainda, que muda nossa corrente sanguínea para alcalina, e isso e muito bom.

Rever fotos de passeios que realizou com a família, fotos de aniversários, casamentos, batizados, momentos felizes.

Ficar com a família (dentro de casa), perdoar, reconhecer valores dos outros, admitir erros, propor mudanças nas relações.

Fazer meditação e/ou respiração, isso ajuda a oxigenar o cérebro e ativar o lado racional, o lado funcional.

Isso não quer dizer que não estamos nos importando com a situação séria em que o nosso planeta está passando, isso quer dizer que estamos nos tratando para podermos ajudar outras pessoas que ainda não criaram consciência do da sua espiritualidade, que não tem haver com religiosidade propriamente dito, espiritualidade é reconhecer a sua missão no planeta, e o sentido da vida. Se conseguirmos sair das crises com uma lição, com um aprendizado e mudarmos padrões de comportamentos que nos adoecem, teremos entendido toda comunicação do universo.

Espero ter contribuído para o crescimento do seu ser e torná-lo mais humano.

Por Manoel Alberto Borges
Psicólogo Clínico
CRP 10/911

Olá, deixe seu comentário para Porque devemos manter a calma em situações de crise?

Enviando Comentário Fechar :/
X

Assine nossa Newsletter!

X

Documentação Necessária

Veja a lista de documentos necessários

Quer ficar informado?

Preencha seus dados e receba as novidades em seu email.